Robert Pattinson fala sobre o filme Crepúsculo

Traduzido/Publicado por Bruna em 05 Apr 2009


Entrevista do dia 28 de julho de 2008. Robert fala de seu cabelo, dos efeitos especiais, do filme e dos fãs.

Ele parecia um pouco nervoso, no entanto, ele tinha a carismático Rachelle Lefevre (Victoria) para ajudá-lo a encontrar o seu conforto zona durante a mesa-redonda entrevista.

 Os dois têm química e visivelmente desfrutam da companhia um do outro. Foi uma conversa cheia de risos, que abordou o estilo do cabelo de Pattinson, dos efeitos especiais do filme e dos fãs.

 - Animado ou nervoso como nós, para ver o filme pronto?

 RP: Eu não sei. Eu não sei. Não posso ainda responder a mais básica, a pergunta mais fundamental. Não sei se é crise de nervos. Estou incapaz no momento. Estou muito preocupado, acho que vai ser embaraçoso.

- Robert, como é que você deixa o cabelo assim?

RP: Eu não lavo ele nunca. É fácil.(risos)

- A pergunta agora é: Vocês dois(Rob e Rach Lefevre) sentem alguma química?

RP: Eu não acho que isso seja algo a se supor...

 - Qual foi o seu processo de pensamento por trás da criação da voz de Edward Cullen?

 RP:  Ele é muito direto no seu discurso. Então, eu meio que tentei falar devagar ... É tipo antiquado ... Tentei tornar o som tão bom como eu poderia possivelmente, na espécie de um elegante discurso padrão.

 - Qual foi o seu efeito especial ou atividade preferida no filme?

RP: Existe uma parte, uma grande cena de luta, quando minha cabeça bate em uma parede. É super difícil, há o pilar que começa cair e as outras coisas também. É muito incrível quando alguém pode ser tão duro que pode bater em uma parede e todas as coisas caem e você não se machuca. Isso foi muito divertido.


Powered by CuteNews