Entrevista francesa com Robert em Cannes

Traduzido/Publicado por Bruna em 06 Jun 2009


Technikart: O que aconteceu ontem Rob? Fomos informados sobre o motim do paradeiro do Carlton...

Robert Pattinson: Ah sim, houve um fato (risos mas chateado). Eu estava no meu almoço, quando cerca de 700 pessoas estavam em frente à entrada do restaurante perto da praia. Era tipo de piada... Eu era transportado por 3 guardas costas até o carro que foi estacionado na frente dele. Eu estava literalmente sendo transportado, não tocava o chão. Isto é tão estranho.

Technikart: Esta tem sido a sua vida em cerca de um ano, agora?

Robert Pattinson: Tudo ficou mais intenso 6 meses atrás. É difícil falar, é muito rápido. Não tenho a distância necessária, que é suficiente para ser capaz de encontrar um motivo de toda esta confusão.

Technikart: George Clooney tem um truque para escapar das fãs: ele leva Brad Pitt com ele.

Robert Pattinson: Ah, sim, eu acho que deve ser eficiente, mas você tem que ser amigo do Brad Pitt...

Technikart: Não é o caso?

 Robert Pattinson: Eu não o conheço. Mas a coisa com a celebridade, você não pode combatê-la, é inútil, você não pode fugir. Quando ela foi algo que você não procurou toda a sua vida, algo que nunca sonhou você pode não se ver livre da maldição. Eles podem gritar o meu nome, se quiserem, mas eu posso ignorá-los. Eu não assino um contrato com a Disney, nenhuma cláusula me obriga a sorrir para fotografias.

Technikart: Como você se sentiu gravando um filme sabendo dos próximos, e sobre o projeto? Quanto tempo você ainda está preso a Crepúsculo?

 Robert Pattinson: Na verdade, é muito legal porque o meu personagem não pode ficar velho! Para mim é a chave desta aventura. Eu não estou na mesma situação que os atores de Harry Potter, que passaram 10 anos de suas vidas nestes filmes. Não há nada mais assustador do que assinar um contrato de vários filmes, mas, na verdade, em setembro vou ter embrulhado 3 das 4 séries de Crepúsculo. Somente em um ano. Lua Nova será lançado em Novembro, para o próximo Verão e Eclipse e Breaking Dawn no Natal 2010. Em breve vou ser libertado de meu contrato.

Technikart: Como é que é em Cannes, Rob? Você se diverte?

Robert Pattinson: Então, então... gostaria de fazer algumas coisas. Eu não estou fazendo nada. Eu odeio ser fotografado. Mas eu gosto do hotel...

 Technikart: Que hotel é?

Robert Pattinson: L'HOTEL DU CAP. É como um trabalho. Tenho almoços empresariais. Eu deixo restaurantes em alta velocidade a bordo de barcos, eu me sinto como James Bond, isso é legal. No entanto, terei tempo para prestar atenção em um filme do Tarantino. Mas acho que a escalada do tapete vermelho vai estragar tudo. Eu já odeio. (ele finge que está em frente de uma multidão de imaginários fotógrafos): Sim, todas as suas fotos p...* serão a manchete amanhã!


Powered by CuteNews