Nova entrevista de Cannes

Traduzido/Publicado por Bruna em 15 Nov 2009


Edward tem um papel muito menor em Lua Nova. Quanto isso mudou no filme?

Rob:
Não mudou muito. Ou talvez. Há uma espécie de nova imagem minha que Bella vê, ou cria. Você acha que ela enlouqueceu. Ela acha que tem visões. Eu não estou realmente muito nessas cenas. Estas cenas são misturadas com as memórias dela, e fantasias.

A tensão para a preservação da virgindade é um assunto muito importante na saga.

Rob: 
De muitas maneiras ela é. Acho que isso foi feito porque Stephenie adora esse tipo de tensão, tendo um desejo infiltrado o tempo todo, que é o melhor tipo de amor. Torna tudo mais dramático, romântico, trágico. As pessoas podem vê-lo de muitas maneiras diferentes.

Mas como você vê isso?

Rob:
Eu sempre tento encontrar o melhor em tudo. Edward é um personagem muito humano, e eu estou com ele de muitas maneiras. Ele duvida muito de si mesmo. Mas ele quer fazer a coisa certa. Ele é um cara normal, ele comete erros. E é engraçado como os fãs o vêem como um cara perfeito. Ele não é, ele é uma pessoa ciumenta. Mas ele não tenta ser uma boa pessoa ao seguir seu coração. 

Por que você prefere ser um ator e não um músico? Ou você acha que pode ser um músico também?

Rob:
Acho que de muitas maneiras você pode fazer as duas coisas, mas é muito difícil de seguir carreira tão a sério. E para ser honesto, eu não estava muito interessado em ganhar dinheiro com música. Eu faço música por razões terapêuticas. Mas a música pode ajudar na qualidade, um momento sábio. Você se torna menos tímido. É como quando você está com as pessoas, há uma barreira. Você se sente nu. Eu acho que ajuda.  

Robert compartilha conosco que ele está escrevendo músicas para um filme.

Rob:
"Sim eu escrevi música. Eu estou escrevendo uma música para o filme, mas é apenas a música. Eu não vou estar cantando na mesma ".  

Será que você vai escrever música para qualquer um dos filmes de Crepúsculo?

Rob:
A música que eu estou escrevendo é para um filme que ele pode nunca ser feito.  

Qual é o seu instrumento favorito para tocar? Qual o instrumento de escolha quando você está compondo novas músicas?

Rob:
Eu toco muito guitarra porque você não pode tocar piano em todo lugar (imita os movimentos e risos). Gosto da sensação que eu tenho, Eu amo. Mas eu tocava piano antes de tocar violão. Estou começando a tocar mais novamente. É sempre bom voltar a tocar. Eu amo Van Morrison e tudos o que é música do anos 70.  

Você viaja por todo o mundo, o que deve tomar o seu tempo para fazer as coisas que gostaria de fazer. Isso incomoda você, ou quanto você está disposto a isso?

Rob:
Eu não me importo no aspecto comercial. Devo dizer que, se eu pudesse fazer as mesmas coisas que estou fazendo agora, sem ninguém saber quem eu sou, eu adoraria. Quando você é muito famoso, você não pode levar uma vida mais normal e isso é assustador. Você pode não ser capaz de se relacionar com as coisas normais novamente. Você não pode andar em um edifício, você não pode se sentar para o café mais e encontrar inspiração para fazer coisas. As pessoas pedem autógrafo, eu não consigo me relacionar com isso. Isso não é interessante, é irritante. E é muito assustador pensar que você perdeu toda a vida normal que tinha. Eu ainda sou novo nisto, mas você sabe? Os fãs adoram Edward, não a mim.  

Eu li em algum lugar que você ama Jack Nicholson e que ele é um modelo.

Rob:
Sim, de uma maneira estranha. Tem a ver com as decisões que ele fez em sua carreira. É estranho, mas eu não acho que exista um outro ator tão coerente como ele é. E com a mesma qualidade de trabalho.   Existe algum ator mais jovem que você gosta? Rob: Romain Duris. E Val Kilmer.

Você é a pessoa mais falado na Internet, você lê o que as pessoas dizem sobre você?

Rob:
Eu fiz isso por alguns meses, mas eu tenho lidado com isso.   Por quê? Rob: É fácil tornar-se obcecado com isso. "Eu tenho que mudar '. Quando tudo começa, é o que você pensa 'eu tenho que mudar'. Por quê? É tão estúpido. Um artigo ruim pode realmente chegar até você. E se você continuar procurando... 

Você viajou com amigos? Você não trouxe ninguém para Cannes?

Rob:
Não, eu estou aqui sozinho.   Onde você mora agora? Rob: Agora aqui. Eu tenho trabalhado há um ano e meio. Eu não tenho casa, nem nada.  

Você gostaria de se estabelecer em algum lugar? Comprar uma casa, talvez em LA?

Rob:
Não faz sentido, eu não vou lá muitas vezes. Eu talvez fico lá por uma semana nesse tempo, fico em hotéis. Mas seria bom ter um lugar que eu pudesse colocar todas as minhas coisas. Um lugar para chamar de sua casa? Ou apenas um lugar onde você pode deixar todas suas coisas? Eu tenho um monte de livros, mas eu não ligo muito para outras possessões. Eu só tenho minhas malas nos quartos do hotel.


Tradução: Jene Batalha

Powered by CuteNews