Entrevista de Robert, Kristen e Taylor para a revista Capricho

Traduzido/Publicado por Milla em 11 Oct 2011



A CAPRICHO conversou com Kristen Stewart, Robert Pattinson e Taylor Lautner e descobriu o que rolou nos bastidores do momento mais esperado da saga: o casamento de Bella e Edward, em Amanhecer – Parte 1!

É O GRANDE DIA DE ISABELLA SWAN! Ao som de Flightless Bird, American Mouth, do Iron & Wine, ela respira fundo e aperta bem forte o braço de Charlie antes de entrar no jardim da casa da família Cullen, enquanto Edward tenta esconder o sorriso de apaixonado ao ver seu maior sonho se realizando. Ai, ai. Vai ser impossível segurar as lágrimas ao assistir o momento mais esperado desde o lançamento de Crepúsculo: o casamento de Edward e Bella, em Amanhecer – Parte 1, que estréia em 18/11. e esse é só o começo. Você vai adorar ver a lua de mel do casal, que foi gravada no Rio de Janeiro, em novembro de 2010. Esse momento foi tão especial que a premiére vai ser no Rio! A CAPRICHO estava na Comic-Con, nos EUA, em julho, e falou com os protagonistas. Kristen disse que não gostou de gravar com um bebê robô, Rob revelou que ficou com medo de tirar a camiseta e Tay contou como foi o imprinting. Prepare o coração!

 

Como foi filmar no Brasil?

Kristen: foi muito legal poder gravar nas ruas de verdade e ver as pessoas enquanto a gente estava gravando.

Robert: foi diferente. O mais legal de ter fãs no mundo todo é que em cada país há uma reação diferente. Nos EUA e no Canadá, os fãs vão só tentar tirar fotos, mas, no Brasil, as pessoas vão pular e te agarrar no set (risos). Foi divertido.

Taylor: eu amo o Brasil, mas não fui. Mas eles voltaram de lá e me mostraram uma foto de um figurante que era igualzinho a mim. Vi a foto e achei que era eu! (risos) Foi muito esquisito! Até tiveram que mudar a posição da câmera por causa do cara. (risos) Seria tão engraçado se a câmera estivesse filmando Edward e Bella e o “Jacob” aparecesse no fundo. (risos)

Qual foi a cena mais tensa que vocês tiveram que filmar?

Kristen: com certeza, a cena do casamento. Foi no estilo serviço secreto.  A equipe estava bem incoveniente, gritando toda hora no set: “Não pode usar o telefone! Vocês não sabem o que isso significa para a gente! Se o vestido parar na internet, eu vou morrer”.(risos) Loucura. E eu me cobri com a capa dos Volturi porque era tudo o que eu tinha para me esconder. Foi engraçado.

Qual é a cena preferida de vocês?

Taylor: sempre consegui escolher uma cena, mas dessa vez vou ter que decepcionar vocês! Desculpa. (risos) Tem tanta coisa acontecendo e todos os personagens  lidam com suas questões pessoais que fica impossível escolher uma cena. O Jacob mudou tanto desde o começo do filme!

Kristen: Não quero ofender vocês, meninos, mas não vou escolher nenhuma cena nossa. Gosto muito de uma cena minha com o Charlie no casamento e uma com a Renesmee.

Robert:  para mim é a cena do nascimento porque ela é muito diferente de todo o resto do filme. É uma cena difícil e muito forte.

O que vocês ficavam fazendo no set quando não estavam grravando?

Rob: a Kristen só assiste canais de culinária na TV, especialmente no set. (risos) É bizarro. Ela tinha uma TV até no trailer de maquiagem. Era sua única exigência de diva: ter a TV ligada no canal de culinária o tempo todo e em todos os lugares. (risos)

Kristen: o Taylor sabe dançar. Ele não gosta de falar sobre isso, mas ele consegue mexer os quadris de uma maneira que eu nunca sonharia em fazer! É louco! (risos)

Robert: mas isso é legal!

Kristen: é que você precisa ver como ele faz. É sempre ouvindo a música mais maluca. (risos)

Taylor: ok. Você está certa, Kristen. É no trailer de maquiagem onde as coisas acontecem. (risos)

Qual cena deixou vocês mais nervosos?

Taylor: fiquei bem tenso na cena em que eu tinha que fazer o imprinting. Eu tinha que andar em direção a um X na parede, para matar o bebê, e aí parar, girar e fazer o imprinting, o que quer que isso signifique. (risos)

Robert: (risos) Que maravilhoso! É a marca de Jacob no filme!

Taylor: foi um desafio! Eu demorei muito tempo conversando com Bill [Condon] e Stephenie Meyer e perguntei: "Ok, gente, como se faz o imprinting?”(risos) Foi difícil, então espero que tenha dado certo.

Robert: é constrangedor, mas a cena em que mais fiquei nervoso foi a que tiro a camiseta. (risos)

Kristen: ah, pelo menos você foi honesto. Isso foi legal. (risos)

Robert: a maior parte dos livros fala sobre o corpo do Edward  e eu passei a saga inteira evitando tirar a camiseta. Em Amanhecer, eu pensei: ”Acho que não vou poder usar a camiseta quando estiver no mar”. (risos)

E qual foi a coisa mais esquisita que rolou?

Kristen: eu não consegui carregar o bebê algumas vezes. Eu me dei muito bem com a Mackenzie Foy, que é a criança mais incrível que já conheci. Mas as outras crianças, que interpretavam a versão mais nova da Renesmee, não estavam lá todos os dias, então não me senti à vontade e não conseguia segurá-las. Foi ridículo! Uma vez,  estava segurando a criança e ela estava tão nervosa que fez xixi em mim. (risos)

Robert: nós até tivemos um bebê robô, na cena em que Bella é apresentada à criança pela primeira vez.

Kristen: pois é! E o pior é que essa é uma das minhas partes preferidas do livro! Então foi muito estranho quando soube que não ia olhar para uma criança de verdade.

Robert: e sim para o Chuck, do filme Brinquedo Assassino. (risos)

Kristen: (risos) e os caras que comandavam o robô ficavam tão perto de mim que eu podia sentir o suor deles. (risos) Eles faziam a mão do robô tocar meu rosto e depois colocavam a mão no meu cabelo e puxavam um pouquinho, e eu só pensava: ”Ahhh, tire isso daqui! Me dê um bebê de verdade! Isso é ridículo”. (risos) Quando li o livro, imaginava como seria legal fazer essa cena…

Robert: até você pegar um bebê mecânico de peruca. (risos) Parecia um daqueles duendes que se colocam na ponta do lápis. Era o Chuck Renesmee.


Powered by CuteNews