A conferência de Remember Me por FilmShaft

Traduzido/Publicado por Iana Louise em 30 Mar 2010


Desde que o garoto de Barnes, Robert Pattinson, passou seu rosto em talco em pós e usou presas de plástico para interpretar um vampiro vegetariano em Crepúsculo, o cara se tornou o maior galã no planeta. Após ver milhares de garotas gritando no Leices­ter Square em Londres para a premiere da Inglaterra de Remember Me, você sente pena dele. Ele pode oferecer franqueza e agradecer aos fãs, mas você percebe que ele apenas quer ser um ator e não uma celebridade. Lembram-se da loucura que rondava Leonardo DiCaprio após Titanic? Bom, Pattinson é famoso nesse nível. O Leices­ter Square (17 de março) foi uma visão do inferno de Hierony­mous Bosch. 

Inúmeras Twi-Hards foram bloqueadas por barreiras e seguranças tiveram que cercar R.Pattz enquanto elas estava, como zumbis animadas pela carne fresca. Não há dúvida que se houvesse a oportunidade elas devorariam o pobre Robert Pattinson até a morte. Uma frenesi tão encorajada e com tanta devoção chega a ser bizarra. Foi apenas dizer “Rob” e um grande coro de adolescentes unidas encheram o ar de Londres com gritos complexos para seus ouvidos. Elas idolatram Rob e não ligam. Um grupo de garotas acampou no Leices­ter Square por 32 horas. Como sei disso? Elas tinham uma placa dizendo a todos. É o limite da devoção ou uma mania religiosa. Elas estão aqui para adorar na Igreja de Pattinson.  

E sim, eu tive que passar por isso para ir até a conferência de imprensa, que era no mesmo local depois que Robert e Emilie de Ravin apresentaram o filme. Momentos depois eles estavam em uma salinha de exibição cumprimentando a imprensa para algumas perguntas e respostas que terminou na diversão.  

A coisa de imediato que foi notada em Pattinson é seu nervosismo ao ser confrontado pela imprensa. Está tudo presente na linguagem corporal. Ele rodava em sua cadeira, cobria seu rosto com as mãos e parecia evitar contato visual enquanto falava, roia suas unhas e mexia com as mãos; um catálogo de sinais reveladores.  

Não é grosseria ou arrogância, mas um desconforto no processo da publicidade. Talvez ele cresça com isso com o tempo, mas ele transpirava uma grande estranheza antes de relaxar e se divertir.  

Uma irritação maior foi causada pelo povo das Relações Públicas que alertou a imprensa que não deveria haver perguntas sobre Eclipse ou Kristen Stewart. Então se você está esperando detalhes sobre esses assuntos, bom, não há nenhum. Sinto muito.  

Robert Pat­tin­son on sobre trabalhar com Pierce Brosnan em Remember Me:
“Inicialmente, nunca pensei que alguém como Pierce interpretaria Charles. Ele tem uma habilidade inata e é bastante carismático. No papel, Charlie era alguém autoritário e negativo, mas Pierce mudou tudo isso.”  

Robert Pat­tin­son sobre as pressões em relação a seu novo status e a habilidade de encontrar uma variedade de projetos:
“Eu nunca gosto de nada, então é bem fácil decidir o que fazer. Nunca senti pressão para fazer nada. Mesmo quando estava filmando, nunca senti pressão em relação a bilheteria – apenas quando passei a promover que as pessoas me perguntaram sobre essas coisas. Não é um dos filmes de Crepúsculo, é um roteiro original e não se encaixa em nenhum gênero. Não é um filme para se sentir bem... eles não fazem mais filmes assim... é assim que escolho as coisas. Esse é o critério.”  

Robert Pat­tin­son sobre seu sotaque de Nova York:
“Apenas surgiu em meio ao roteiro e diálogo. Foi a mesma voz. Algumas vezes quando você lê o roteiro apenas acontece. Eu nem estava consciente em fazer um sotaque de Nova York ou algo assim (risos). Passei um tempinho em Nova York e tentei pegar como as pessoas falavam. Eu nem sei onde está meu sotaque agora. Eu nem diria que é especificamente um sotaque londrino.”  

Robert Pat­tin­son sobre seus heróis da vida real:
“Meus pais são ótimos e eles me educaram muito bem, eu acho. Não sei... Acho que isso é em relação a todos os heróis que já tive.”  

Pat­tin­son sobre a importância dos fãs e expectativas para Remember Me:
“Eu acho, hum... Eu sempre achei que a coisa mais importante que você pode fazer são filmes assim e é difícil dizer de forma feral para as pessoas. Algo como Crepúsculo ou Lost... te dá publicidade imediatamente... se as pessoas irem e verem... Uma vez que você as leva ao cinema, é quase inevitável que elas então serão puxadas para isso. Não sei... você obviamente espera que as pessoas gostem das coisas, mas se você começar a fazer coisas para satisfazer uma certa audiência, então você está indo na direção errada.Você nunca pode satisfazer ninguém... Você sequer conhece as pessoas que está tentando satisfazer. Especialmente quando você está tentando agradar a muitas pessoas.  

Robert Pat­tin­son sobre porque ele está atraído a escolher personagens mais pensativos e planos para papéis mais leves:
 “Eu fazia coisas mais leves antes de Crepúsculo vir. Não sei, apenas aconteceu que Crepúsculo se tornou essa pessoa arquetípica. Nunca imaginei Tyler como esse pensativo. Não é pensativo, pensativo, pensativo. Nunca sequer havia ouvido essa palavra antes (brooding)! Eu gosto de interpretar personagens quebrados e problemáticos porque é tão interessante e eu particularmente não estou quebrado ou sou problemático. Estou fazendo algo agora, que é sombrio.”  

Robert Pat­tin­son sobre se preparar para as cenas de luta e as brigas da vida real:
“Eu não brigo há muito tempo. Eu ficaria muito assustado agora (risos). Acho que as pessoas que entram em uma briga, me matariam apenas como objetivo de tudo (risos). Eu gosto muito da audácia e rebeldia de Tyler.... é como uma versão de fantasia de mim mesmo! Na verdade, não.(risos)”  

Robert Pat­tin­son sobre seu tipo de biscoito favorito:
“Você sabe na América quando se come galinha e biscoitos? É realmente muito engraçado ... sempre que eu ia na América e passava por restaurantes e via que serviam galinha e biscoitos eu perguntava 'por quê?' Então eu comi e era muito bom ... então eu mudei de idéia sobre como pode ser constituído um biscoito. E eu gosto de Hobnob.”

Tradução: Iana Louise  

Powered by CuteNews