Para onde vamos a partir daqui: WFE Pós-Produção

Traduzido/Publicado por Milla em 13 Aug 2010


A maioria de nós sabe que a fotografia principal é crítica. Não há filme sem fotografia principal. Tão empolgante como o processo de filmagem de "Água Para Elefantes" é a fotografia do set e as atualizações diretamente vindas do diretor, um filme realmente ganhando vida na pós-produção.

Não querendo confiar na Wikipédia ou o Google para trazer a vocês algumas informações, eu conversei com um amigo meu, um cineasta independente, Ryan Reels, sobre os meandros da pós-produção. Eu sabia basicamente que "você pode editar o filme e colocar alguma música sobre ele e adicionar efeitos especiais.... e Voilà!". O que eu não sabia eram os detalhes e é da minha natureza saber o máximo possível sobre algo quando eu adoro alguma coisa. Basicamente, eu tento ser um expert. Alguns poderiam dizer, uma boa fã.

Agora que está concluída a filmagem, aqui estão alguns dos aspectos envolvidos na pós-produção que produzirá o filme, "Água para Elefantes".

Um dos primeiros passos importantes é chamado de telecine. Este é um processo de transferência do filme para um formato de vídeo. Ryan usou um pouco do jargão durante a explicação, o que fez meus olhos embaralharem. Depois ele me explicou como se eu tivesse dois anos de idade, o processo de telecine é usado para que o filme possa ser copiado, essencialmente, em um formato que pode ser "preenchido". Minha escolha de palavras. Preenchido. Que palavra grande. O que é esse preenchimento de que eu falo?

Preenchedor.. chamado... diretor.

O editor vem e coloca tudo junto, num corte bruto. Eles olham em todos os jornais e fazem um brainstorm para que o diretor possa entrar e começar a "mexer". Este processo irá continuar por algum tempo porque o filme precisa fluir da maneira como o diretor concebeu.

Enquanto isso você tem o compositor. Eles precisam conseguir a trilha juntos. Francis twittou durante a pré-produção sobre alguns pedaços que já estão gravados:

Indo para a pré gravação de todas as nossas músicas de circo ... Vai ser ótimo ouvir ao vivo! Para aqueles que conhecem o livro... Acabamos de gravar a marcha do desastre. Acabamos de gravar a música para a tenda. Os músicos fizeram um trabalho incrível! (01 de maio de 2010)

A trilha no entanto traz muita emoção à uma cena. O diretor virá para o estúdio e certifique-se de que cada cena terá a emoção apropriada ligada à ação. Quando uma seção musical entra e sai de uma cena, é perfeitamente cronometrada. O objetivo é fazer com que cada cena tenha a sensação emocional que o diretor quer.

No vídeo abaixo, você pode ver o compositor de 'Água para Elefantes', James Newton Howard, em seu estúdio, marcando a trilha em 'King Kong'. Ele fala sobre como o processo de marcar a trilha funciona em um filme. É um vídeo muito informativo e lhe dá alguns vislumbres, de como esta parte da pós-produção se parece.

http://www.youtube.com/watch?v=NLuvfr8-SlU&feature=player_embedded

Segundo os produtores, nós sabemos que Francis Lawrence queria usar poucos efeitos especiais. Sabemos que ele trouxe animais reais e tentou aterrar o filme na realidade, o máximo possível. No entanto, os efeitos especiais ainda são inevitáveis.

O céu não é verde.

O diretor geralmente senta com o supervisor de efeitos visuais durante a pré-produção para que eles saibam o que o diretor quer em termos de efeitos especiais. O supervisor de efeitos visuais provavelmente estará no set para se certificar de que os efeitos especiais executam cada tomada do jeito certo, para assim não ter que "consertar" depois. Durante a pós-produção, o supervisor de efeitos visuais tem mais tempo para adaptar essas tomadas. Se o CGI é necessário, uma empresa será contratada para trabalhar esses efeitos e quem supervisiona é o supervisor de efeitos visuais. Lembre-se ... eles sabem o que o diretor quer.

Achei este vídeo interessante de 'I Am Legend' que nos dá uma visão melhor sobre efeitos especiais.

http://www.youtube.com/watch?v=sDVjU4dByls&feature=player_embedded

Falando de música ... vamos falar sobre som. Perguntei ao Ryan e ao Shaun, sobre o assunto de design de som, eles ficaram empolgados em responder:

"O que separa um amador de um profissional é o som." "Você é tão bom quanto o seu departamento de som." "Se o som é bagunçado, o filme todo está arruinado."

Boa colocação! Eles foram muito inflexíveis sobre o som. Eu sabia que era importante, mas eu não sei se foi se alterando. Design de som é quando cada pequeno ruído é captado e recriado de modo a sentirmos naturalidade dentro do filme. "Cada pequeno som?" "Cada pequeno som?", Diz Ryan. Pensei que o som seria pego enquanto eles estão, você sabe ... filmando o filme. Ryan explica que o diálogo é o foco, mas não todos os outros sons que rodeiam a cena que precisa ser reconhecidos para dar à cena um cenário mais realista. Em conjunto, eles estão pegando o diálogo, mas não há ruído, o ambiente natural é que deve ser recriado e definido de modo que a cena soe natural.

Ok ... então cada pequeno som. Isso também inclui um grupo de pessoas inteligentes chamados artistas Foley. O vídeo explica melhor porque eu acho que eles são espertos.

http://www.youtube.com/watch?v=UNvKhe2npMM&feature=player_embedded

Uma arte única. Falando de arte, vamos discutir uma parte principal da pós-produção: correção de cor. Isto é o que parece. O filme terá uma certa coloração. O cineasta irá certificar-se de que o filme tenha a cor desejada. Ryan adicionou seus dois centavos (bem como este post inteiro) e parecia que Francis ficaria sentado ao longo deste processo, devido à sua experiência em vídeos de música e seu olho para a estética. Teoria interessante.

Correção de cores é a paleta de pintura, assim você terá um colorista certificando-se de que a paleta desejada será mantida. A cor pode alterar o humor e o filme deve refletir o clima da cena. Muitas vezes, os personagens terão suas próprias cores do tema também.

Robert Pattinson não tem MESMO essa tonalidade azul no o seu tom de pele.

Após passar por todos os departamentos de pós-produção e terminar as tarefas, e o diretor ficar alegre, o filme é transferido de volta ao cinema e ao formato desejado para a distribuição.

Tradução: Sheila Andrade
Fonte: waterforelephantsfilm

Powered by CuteNews