Pattinson troca vampiros por elefantes – Será que os Twihards aprovam?

Traduzido/Publicado por Marina em 24 Apr 2011


Robert Pattinson – seu último filme fora de Crepúsculo, é Água para Elefantes – ele deveria consultar Leonardo DiCaprio e pedir algumas dicas sobre a carreira.

Algum problema R-Patz?

O que uma jovem estrela com boa aparência, olhos sonolentos, com ambições para sua carreira e algum talento, deve fazer quando se torna objeto de desejo para adolescentes de todo o mundo que só querem o ver em único papel?

DiCaprio, com 36 anos agora, enfrentou o mesmo dilema, depois de tornar seu mergulho fatal memorável em Titanic (1997). Ele foi muito sortudo, poucos anos depois, ele se amarrou a grandes cineastas como Martin Scorsese, Steven Spielberg e o britânico Christopher Nolan. Graças a suas excelentes atuações em filmes como Guanges de Nova Iorque (2002), Prenda-me se for capaz (2002), O Aviador (2004), Os Infiltrados (2005) e A Origem (2010), DiCaprio se transformou em um adulto de sucesso.

Os lábios carnudos de Pattinson podem encontrar caminhos mais espinhosos. Quando DiCaprio se tornou o sonho de todas as adolescentes, foi resultado dele ter sido estrela de um único filme, Titanic. O londrino, Pattinson, completa 25 anos em maio, já interpretou o vampiro galã Edward Cullen nos três filmes da franquia Crepúsculo, e irá fazê-lo novamente em Amanhecer partes 1 e 2, que irão estreiar em 2011 e 2012 espectivamente.

Neste papel, os fãs o adoram e querem ver mais dele. Somente nos EUA, os três primeiros filmes da Saga arrecadaram $800 milhões nas bilheterias.

Se estes mesmos fãs que tantam amam R-Patz, querem o ver interpretando outro, que não o Cullen, ainda é uma questão sem resposta. Ano passado, ele interpretou um problemático estudante universitário em Lembranças, porém a bilheteria nos EUA não excedeu os $20 milhões.

É por isso que Hollywood vai analisar de perto a bilheteria de Água para Elefantes, um romance de época. É um outro teste para saber se os fãs team Edward vão continuar torcendo por ele, quando interpreta um cara normal ao invés de alguém com sede insaciável por sangue. Também é um teste para Pattinson, para ver se ele consegue agradar o público mais velho, ou apenas as garotinhas.

Água para Elefantes, é baseado em um best-seller, Pattinson interpreta um jovem que se junta a um circo itinerante durante a Grande Depressão. Seu personagem consegue um emprego como tratador dos animais. Ele acaba se apaixonando pela estrela do show (Reese Whiterspoon), que tem um marido muito ciumento, interpretado por Christoph Waltz.

Inicialmente, parece promissor, um período cheio de cores e detalhes, Água para Elefantes tem um foco estreito, em apenas três personagens e isso acaba sendo claustrofóbico. E até mesmo decepcionate, Pattinson e Whiterspooon evidenciam pouca química.

Eu imagino que Água para Elefantes será um fracasso de bilheterias. Mais poder para Pattinson, por tentar ir além de Crepúsculo. Ele pode estar tentando se esticar demasiado cedo. Ele precisa ficar quieto por um alguns anos, até o frenesi de Crepúsculo ficar para trás.

Então, depois que os Twihards tiveram crescido um pouco, ele deveria - e isso é mais fácil de se falar do que fazer – se conectar com algum diretor de peso, que lhe ofereça um papel desafiador e que seja um sucesso em potencial em termos de público.

Quem sabe? Pattinson pode se tornar o próximo Leonardo DiCaprio.

Fonte | Tradução: Andressa

Powered by CuteNews